A importância do protetor solar

Não é novidade que o uso do protetor solar é essencial para evitar queimaduras na pele e até mesmo o temido câncer de pele. Infelizmente, muita gente ainda negliencia o seu uso e acredita que só é necessário quando se toma sol ou vai para a praia ou uma piscina. Porém, como todo dermatologista recomenda, o uso do filtro solar deve ser diário.

Existem protetores solares para cada função específica, conheça:

  • Protetor solar para o rosto: para você usar diariamente e se proteger até mesmo da ação das lâmpadas;
  • Protetor solar para pele oleosa: livre de óleo na fórmula, o que vai manter sua pele sequinha por mais tempo;
  • Protetor solar para o corpo: em gel ou creme, o que você preferir e ficar mais prático;
  • Protetor solar em spray: super prático, porém é imprescindível espalhá-lo bem uniformemente pela pele;
  • Hidratante labial com protetor solar: para você usar sempre e manter a boca hidratada e protegida;
  • Creme para os cabelo com protetor solar: assim você evita danos aos fios e aquele efeito desbotado de cabelo de praia;
  • Protetor solar para bebês: os bebês precisam ficar sempre à sombra, mesmo assim, é importante usar protetor solar;
  • BB ou CC cream com protetor solar: super prático para o uso diário, assim você só usa um produto em vez de dois.

Mesmo que você passe o dia todo em um escritório, não deixe de usar o protetor solar, pois mesmo dentro dos locais sua pele ainda sofre a ação dos raios UV. Vale lembrar que o fator de proteção solar deve ser no mínimo 30, mas você pode pedir uma recomendação específica para o seu dermatologista.

Condições de pele específicas também podem requerer uma consulta para uma escolha correta de protetor solar. Por exemplo, peles com acne e peles que já possuem rugas e envelhecimento visível.

Locais com manchas e pintas precisam ser protegidos. Use bonés, chapéus e vista-se para criar uma barreira ainda maior de proteção contra os raios UV.

Se você notar qualquer alteração de tamanho ou cor nas suas pintas e manchas de nascença, não perca tempo e marque já uma consulta com o seu dermatologista de confiança. Embora seja um câncer altamente curável, com um diagnóstico o mais rápido possível, as chances de cura aumentam.

Vale ressaltar também que o cuidado com crianças e bebês no verão e em atividades fora de casa deve ser redobrado. Para os bebês, o sol pode ser um grande vilão e até causar um risco de morte. Oriente-se com o pediatra para saber como proceder em viagens e passeios.

A pele é o maior órgão do corpo humano. Cuidar dela é muito fácil, mas ainda infelizmente não levamos isso muito a sério. Para mantê-la saudável, use muito filtro solar, beba bastante água, evite exposição excessiva ao sol e mantenha uma dieta saudável.

Cuide-se e previna o câncer de pele e o envelhecimento precoce!